12/01 – Estágio 10 – Chilecito > San Juan

Motos, Quadris, UTVs, Carros e Caminhões
Especial: 449 km
Total: 751 km

Base sólida

Os braços, ombros e pernas dos pilotos serão submetidos a um teste rude, especialmente durante a longa seção “julgamento” que será o momento-chave no início do dia. A especial se desenvolverá mais à medida que se aproxima do fim, mas as sutilezas de navegação impedirão ataques máximos. Os erros serão penalizados não em segundos, mas em minutos…

O dia

Depois de dias com alteração de roteiro, descanso e cancelamento de especial, o décimo dia do Rally Dakar cumpriu o que prometia, muita dificuldade e uma balançada nas classificações do rali.

Nas motos

Hoje, a vitória do dia ficou mais uma vez com o piloto espanhol Barreda, que estaria na briga pelo título se não fosse a penalização da primeira semana, porém como tem o “se”, Sunderland caminha tranquilo para seu primeiro título, mantendo a hegemonia da KTM. Os Brasileiros nas motos também estão com um dia difícil. Richard Fliter terminou o dia em 79º e Ricardo Martins ainda está na segunda parte da especial.

Nos carros

O trio que vem dominando entre os carros, se alternou na liderança do dia, Peterhansel liderava a especial, até sofrer um acidente com uma moto e perder preciosos minutos socorrendo o piloto, mas o regulamento do Dakar é claro e com isso Peterhansel ao final do dia teve 13 minutos descontados do seu tempo, tempo esse que ficou parado socorrendo o piloto da moto.

Quando ainda era piloto da Mini, Peterhansel se envolveu em um episódio similar, derrubando um piloto de moto numa passagem estreita por um rio e não parando pra socorrer, foi duramente criticado por isso. Vale lembrar também que Peterhansel já foi piloto de moto, ou seja sabe muito bem o que é estar do outro lado”, lembra Youssef Haddad.

Voltando ao dia de hoje, após Peterhansel ficar parado, quem assumiu a liderança foi Despres, que chegou a abrir mais de 7 minutos para Loeb e 11 para Peterhansel. Porém com uma segunda metade de especial fantástica, Loeb e seu navegador Daniel, recuperaram o tempo perdido e venceram o dia, com 2 minutos e 33 segundos mais rápidos que Despres e quase 7 mais rápidos que Peterhansel. Com isso Loeb aumentaria sua vantagem no acumulado para mais de 8 minutos em relação a Peterhansel e praticamente tira Despres da luta pelo título, com quase 20 minutos de desvantagem. Disse aumentaria, pois com o tempo descontado, quem ficou com a vitória do dia e a liderança no acumulado foi Peterhansel, 5 minutos e 50 na frente de Loeb, faltando dois dias de prova, sendo o último um dia muito curto e tranquilo.

Sylvio de Barros e Rafael Capoani, que terminaram a especial em 29º, perderam muito tempo entre os pontos de cronometragem 1 e 2, estando a mais de 2 horas do líder do dia. Os brasileiros provavelmente vão perder posições na geral e pior que isso, praticamente descartam a chance de ganhar o prêmio de melhores estreantes dessa edição, pois seus concorrentes diretos tiveram um ótimo dia e abriram grande vantagem.

Nos UTVs

A pior notícia do dia é que Leandro Torres e Lourival Roldan seguem muito lentos na especial, com certeza com problemas e já estão com mais de 3 horas de prejuízo para seus concorrentes pelo título, o que significa que no momento não são mais líderes entre os UTVs. Não significa que já perderam, pois rali só termina na linha de chegada, porém o situação é bem difícil para a dupla. Com este resultado, a dupla passaria para 2º na geral, atrás de L. DONGSHENG (CHN) e com um bom tempo ainda na frente do terceiro colocado.

“Especial dura a de hoje, principalmente para os Brasileiros, mostrando que Dakar é Dakar. Vale lembrar que dois dos dias mais difíceis foram cancelados devido às chuvas”, completa Youssef.

Agora querem saber como será amanhã?

“Amanhã a especial começa com 50 km nas dificílimas dunas de San Juan, dunas essas muito altas e com características únicas, são duras e inclines dos dois lados, ou seja se chegar no topo rápido demais, desce rolando do outro lado. Depois das dunas, estradas de piso bom e longos trechos usados no WRC de Córdoba, resumindo dunas para o especialista em areia Peterhansel e WRC para o multicampeão dessa modalidade Loeb, que terá a vantagem de largar atrás de Peterhansel, justamente nas areias…” finaliza Youssef.

Amanhã às dificuldades se encerram e provavelmente no fim do dia saberemos que serão os campeões dessa edição.

.

Confira algumas fotos das últimas etapas do Dakar.

Resultados