A Peugeot apresentou o seu novo carro, com que vai tentar obter a terceira vitória consecutiva, o 3008 DKR Maxi, carro que Sebastien Loeb irá já estrear no Rali Rota da Seda, prova que será realizada no próximo mês de julho. Stephane Peterhansel e Cyril Despres também irão participar desta prova, mas ainda com o modelo vencedor do último Dakar.

Carlos Sainz já tinha revelado ter planejado disputar o próximo Dakar, mas depois da Peugeot o ter deixado de fora do Rali Rota da Seda, muitos entenderam isso como o princípio do ‘divórcio’. Contudo, o espanhol sempre se ‘reserva’ quase só para os grandes eventos. Quando lhe foi perguntado durante o Rali de Portugal porque ficara de fora do Rota da Seda ele comentou:

Tens que perguntar ao teu amigo Bruno Famin. Estive a testar em Marrocos, o plano é fazer essa prova e depois o Dakar” disse Sainz, que nesta altura nem sequer sabia se a Peugeot iria à prova da ASO: “Nem sequer é certo que a Peugeot vá ao próximo Dakar, mas tanto quanto sei se a Peugeot for eu também vou”, completou.

E isso confirmou-se agora. Entretanto, também já testou o novo Peugeot 3008 DKR Maxi:

Tive boas sensações durante os testes e é, realmente, uma boa evolução em relação à versão anterior: sinto que fizemos progressos. A mudança mais visível é na largura das vias, algo que nos deverá permitir ‘atacar’ mais em curva. O carro também parece mais estável nas secções mais rápidas e em estradas mais demolidoras. Ao longo dos anos, torna-se cada vez mais difícil melhorar o conjunto, mas o trabalho dos engenheiros da Peugeot Sport é notável. Tentei ajudá-los o máximo que pude. É fantástico ver engenheiros a tentar tirar o máximo proveito de um carro já de si tão bom, sendo muito emocionante seguir o caminho do desenvolvimento com vista a regressar ao Dakar” disse o espanhol.

O novo 3008DKR Maxi é maior, tem mais 20 cm de comprimento e a suspensão é a sua grande diferença em relação ao modelo atual, que foi amplamente renovada, bem como a transmissão. A ideia passa por dar mais estabilidade ao carro, algo que Sébastian Loeb confirma.

 

Fonte www.autosport.pt