Hoje aconteceu o final da etapa maratona… Superação de uns, regularidade de outros, a surpresa mesmo ficou pelo cancelamento da etapa de amanhã devido chuvas na região.

“A situação é complicada no acampamento e ao longo da rota da especial, há um risco de inundação e tempestade”, diz Marc Coma. “Vamos perder um dia, mas o rally segue com uma dinâmica. Não queremos arriscar.”

Com isso os competidores irão deslocar direto para Salta e terão pela frente duas etapas decisivas. Confira agora o relato do dia de hoje pelo Youssef.

Podem acelerar, nós vamos de boa…

“Quem não tem nada a perder, que acelere”, foi isso que Sainz e Lucas, líderes entre os carros, determinaram para este domingo. A dupla espanhola, da Peugeot, não quer passar pelo o que os companheiros de equipe, Peterhansel e Jean Paul, passaram no sábado, e tratou de fazer uma Especial limpa, sem riscos e mesmo com o quinto tempo no dia, se manteve firme na liderança acumulada, com mais de uma hora de vantagem. Agora, quem não tem nada, ou tem pouco a perder, acelerou! Peterhansel, que no sábado creditou a quebra da suspensão de seu Peugeot a uma batida em uma pedra que estava submersa – justo num momento em que teve que sair da linha ideal para ultrapassar uma moto -, neste domingo acelerou forte e ganhou a Especial. Mesmo sabendo que em condições normais dificilmente vai alcançar Sainz, sabe que tem uma briga difícil com Nasser pelo segundo lugar na classificação, sem esquecer que o segundo lugar se torna primeiro, em caso de problemas com o líder. Nasser e Mathieu, também querem essa posição e terminaram a Especial com o terceiro tempo. Com o segundo, e o sexto tempo do dia, os pilotos Despres e Terranova, respectivamente pilotos da Peugeot e da Mini – ambos estão distantes muitas horas das posições de destaque no acumulado, tempo perdido em acidentes. Resultados como os deste domingo, mostram que os conjuntos têm velocidade, porém, sem regularidade, fica difícil pensar em se destacar no Rally Dakar.

Por falar em regularidade, é preciso ressaltar a prova que as duplas Jakub / Tom da Mini, Prokop / Jam da MP-Sports e Al Qassimi / Xavier da PH-Sports vêm fazendo. Longe de serem apontadas como favoritas antes do rali, as três duplas vêm se destacando por estarem se livrando das confusões e se mantendo em ótimas posições. Sexto no acumulado e único Mini entre os 10 primeiros colocados, Jakub é mais um dos ex-pilotos de moto que migraram para os carros, embora não seja extremamente rápido, é de uma regularidade e consciência raras para um jovem piloto. Prokop, conhecido piloto de WRC, está a bordo de uma Ford F-150, único carro não construído por equipes oficiais a figurar entre os ponteiros – não duvido que no próximo ano veremos ele em uma equipe de fábrica. Fechando o trio, Al Qassimi está correndo com um Peugeot do ano passado, o que já deixa claro como será a disputa de compra dos carros da marca francesa, saídos do Rally Cross Country, após o Dakar desse ano. Aliás, há quem diga que Nasser já fechou negócio, e que ele se juntou com a Red Bull para formarem uma equipe semioficial com os buggys. Vale lembrar que Nasser fez uma proposta similar quando a VW saiu do Dakar em 2011, porém os alemães negaram a venda dos carros.

Quem vem crescendo, dia a dia, é Marcelo Medeiros! Neste domingo, chegou a liderar algumas parciais, entre os quadris, e acabou o dia com o segundo melhor tempo, subindo para o sexto lugar no acumulado. Agora, quem está seguindo a estratégia de Carlos Sainz, é a dupla Varela e Gustavo – firme na Especial e a liderança mantida com mais de 1 hora e 20 minutos para o segundo colocado! A dupla brasileira não precisa mais se preocupar em ganhar Especiais, deve sim manter a máxima concentração e poupar seu Can-Am – com a experiência de Varela, não preciso falar muito, pois ele sabe bem o que fazer.

A Especial desta segunda-feira foi cancelada pela organização, mais uma vez as instabilidades climáticas na região causam cancelamentos. Com isso, os competidores irão deslocar direto para Salta, onde poderão se preparar para as duas Especiais decisivas na sequência – nas regiões de Belen, Chilecito e FIambala. Isso, se as chuvas deixarem …

Youssef Haddad
Spinelli Racing

.

.

Próxima etapa – CANCELADA
15/1/2018 – 9ª etapa
Tupiza (Bolívia) / Salta (Argentina)
Deslocamento: 512 km
Especial (trecho cronometrado): 242 km
Total do dia: 754 km

Conheça mais sobre a Spinelli Racing Experience, empresa de desenvolvimento automobilismo e automotivo de Guiga Spinellie Youssef Haddad.
Acesse a página oficial no Facebook: https://www.facebook.com/pg/spinelliracing