A cozinha italiana e tradicional vinho da Serra Gaúcha serviram de combustível para os participantes do 4º Rally Mercosul. Nesta segunda-feira (10/7), eles chegaram a Bento Gonçalves (RS). Amanhã, seguem para São Miguel das Missões (RS). Será o dia mais longo da prova e também a última escala em solo brasileiro. No dia seguinte, competição chega ao Uruguai.

O Mercosul, que além da disputa esportiva tem a missão de resgatar o verdadeiro espírito do rali, que é reunir um grupo de amigos para uma aventura sobre rodas, torna-se mais exigente a cada etapa.

“Foi um dia em que tivemos a oportunidade de assistir ao nascer do sol no alto da Serra do Rio do Rastro. E vários ralizeiros curtiram o espetáculo da natureza. Às 8h30 nós largamos em direção a Bento Gonçalves. Passamos no Canyon de Monte Negro, o ponto mais alto do Rio Grande do Sul, e em seguida o Canyon de Boa Vista. A partir daí, andamos em estradas de fazenda, estreitas e com muitas pedras. O nível de dificuldade se elevou e uma sequência de porteiras forçou os navegadores a descer do carro a toda hora”, detalhou o diretor de prova Detlef Altwig.

Fabiano Bonafé, participante com bastante experiência em outras provas de rally, completou:

“Encontramos muita coisa boa hoje, muitas paisagens lindas pelo caminho…, a prova em si não apresenta grandes dificuldades para os mais experientes mas é gostoso pra caramba, valeu a pena demais estar aqui…”, comenta Fabiano.

A caravana do Rally Mercosul passou por São José dos Ausentes (RS) e seguiu em direção a Cambará do Sul. Depois, foi para o Passo do S, e cruzou o Rio da Prata.

“Em compensação, em Bento Gonçalves foi servido um jantar típico italiano, com rodízio de massas e vinho local”, completou Altwig.

O resultado do dia foi:

Graduados
1º – Fabiano Bonafé e Ana Baldin Machado Bonafé
2º – Edson Monaci dos Santos e Elianne Monaci dos Santos

Turismo Light
1º – Everton Gunter Bueno e Angela Dal Col
2º – Augusto Barros Neto e Silvana Maria Deggerone
3º – Renata Braga de Lima e Andrea Vanetti
4º – Henrique Caran Seibel e Adriana Deleu
5º – Alessandro Oliveira Silva e Glauber Novais Bacelar
6º – Giovanni de Souza Ferreira e Fabiani Rocha Almeida Ferreira
7º – Leonardo do Amaral Fernandes e Enzo Figueiredo Fernandes
8º – Rogério Afonso da Silva e Renata Paiva Paladino

.

Nesta terça-feira será realizada a etapa mais longa do Rally Mercosul e a última em solo brasileiro.

“A proposta é sair de Bento Gonçalves à 8h, atravessar o Vale dos Vinhedos, cortar o Rio Grande do Sul em direção ao Oeste, passando por Guaporé, onde começa o trecho navegado, que terá em torno de 200 quilômetros, mais um deslocamento com pouco mais de 100 quilômetros. No final, vamos rodar pouco mais de 400 quilômetros”, antecipa Altwig.

.

Programação do Rally Mercosul 2017
11/7 – 4ª etapa
Bento Gonçalves (RS) a São Miguel das Missões (RS)

12/7 – 5ª etapa
São Miguel das Missões (RS) a Termas del Arapey (UR)

13/7 – 6ª etapa
Termas del Arapey (UR) a Santa Fé (AR)

14/7 – 7ª etapa
Santa Fé (AR) a Buenos Aires (AR)

O Rally Mercosul 2017 é organizado pela empresa TSO Brasil e tem patrocínio de Amarok e pneus BF Goodrich e apoio da Rodabrill.