Você já pratica rally ou sonha em iniciar neste esporte? Usa seu carro do dia-a-dia e gostaria de ter um carro preparado para as provas? Então este post é para você!!!

É muito provável que você já tenha ouvido o nome Helena Deyama, correto? Pois bem, para refrescar sua memória, Helena, adepta a esportes de aventura, já praticou motociclismo (na modalidade trail), ciclismo, natação, trekking, mergulho, entre outras atividades outdoor. E há 20 anos, quando adquiriu um jipe Engesa fase 2, começou a participar de Raids, Rallys, Trilhas, Expedições.

HelenaDeyama_3

Helena Deyama e sua L200 “Principe”

A partir daí seu nome começou a ser respeitado em todas as competições off-road no país. Campeã do Brasileiro de Rally Cross Country na categoria Super Production em 2005, Helena sempre disputou as principais provas de Cross Country e Rally de Velocidade no país. Em 1999 iniciou sua participação no Rally dos Sertões e hoje já tem no currículo 13 participações no rally, completando a prova entre os 5 melhores da categoria em 11 edições.

Em 2014 estreiou na categoria UTVs, e já em sua estreia conquistou o Campeonato Brasileiro de Rally Baja a bordo de um veículo Polaris RZR 800. E é com o UTV que segue competindo hoje e já confirmou sua presença em mais uma edição do Rally dos Sertões, agora com um Polaris de 1.000 cilindradas.

Bem, se deixar ficaríamos horas e horas aqui listando as conquistas desta super pilota, mas o objetivo aqui é divulgar uma oportunidade única para vocês… Para garantir sua participação em 2015 nos Sertões, ela está vendendo o “Principe“, sua Mitsubishi L200 RS 2010 toda preparada para rally e que já vem com conquistas no currículo. O porque do nome do carro você vai entender mais abaixo, mas o importante são as características dele e que você pode ser o próximo dono. Confira:

Mitsubishi L200 RS 2010

  • Motor original Diesel 2.5 Turbo intercooler, 141CV, com preparação para competição pela fábrica;
  • 4 x 4 com reduzida;
  • 8 amortecedores Ohlins revisados;
  • Bancos concha e cintos 4 pontos;
  • Sistema antichama;
  • Chave geral;
  • Portas, capô e laterais de fibra de vidro;
  • Painel preparado para equipamentos;
  • IPVA 2015 pago, só tem que licenciar!!!

De acordo com Helena, o carro nunca bateu ou capotou, mas tem uns reparos para fazer na fibra, afinal cicatrizes são histórias para contar, não é mesmo??? Eu nem iria reparar… rsrsrs

E o valor dela? Apenas R$40.000,00.

JURA que é só isto??? Pois é… JURO!!! É bem provavel que por este valor você compre apenas os amortecedores deste veículo.

E ai??? Curtiu??? Então vai logo e entre em contato com a própria Heleninha, porque tenho certeza que quem sonha em ser um piloto de verdade vai querer este carro…

✉️ helena.luart@terra.com.br
📞 011 5581-9202
📞 011 2275-2980
📞 011 9 9166-2189

 

Confira algumas fotos do “Principe”:

Curioso para saber por que “Principe”? Então ai vai…

“Essa história é considerada o “conto de fadas” no Rally. Em 2009, eu participava do Sertões com uma Pajero TR4 e na sétima etapa estava em vice na categoria com boas chances de vencer. Foi quando o carro pegou fogo num trecho de areial, só deu tempo de descer com o carro em chamas e ele explodiu, se reduzindo a cinzas. Eu e a minha navegadora ficamos no meio do sertão da Bahia só com o macacão e capacete, todo o nosso equipamento e todas as nossas coisas que estavam no carro (mochila e bolsa com documentos, telefone, dinheiro, etc.) queimaram…

Pegamos carona com uma equipe de fotógrafos que estava no trecho, e ao reencontrarmos a caravana do rally todos se mobilizaram para nos ajudar, criando um rifa (rifamos um jogo de pneus que eu tinha no caminhão de apoio) para nos ajudar a levantar recursos, não tinhamos documentos nem dinheiro ou cartão de crédito para voltarmos para casa. Com isso conseguimos algum recurso e ficamos de sortear a rifa na festa de premiação do Rally.

Na cerimônia de premiação, depois da entrega dos troféus, subimos ao palco para fazer o sorteio da rifa, e a pessoa sorteada foi o diretor de prova Jaime Santos, que é português e disse que só comprou a rifa para nos ajudar, mas não iria levar os pneus para Lisboa. Então tiveram a idéia de leiloar o jogo de pneus, e começaram a dar lances, foi uma festa!

Nisso um dos pilotos da equipe VW alemã que participou do Rally com um VW Touareg, o Nasser Al-Attiyah (que é príncipe do Catar e também atleta olímpico) quis saber o que estava acontecendo. Quando um dos integrantes da equipe explicou sobre a mobilização dos pilotos para me ajudar, ele simplesmente me fez uma doação de U$ 20.000 e me disse que queria me ver correndo o próximo Rally dos Sertões. Eu quase desmaiei na hora, não acreditava que isso estava acontecendo de verdade!!! Com a ajuda dessa doação, em 2010 consegui comprar a L200 RS que corro até hoje, por isso chamo o carro de “príncipe”.”

Trecho retirado da entrevista para o Racing Girls.