Em Abril tiramos uma semana de férias, fomos viajar mas não foi só folga não, aproveitamos que a estrada era longa para começar a usar o Sensor Blue da Totem e ver como ele se comporta.

A primeira coisa que podemos dizer, que facilita muito para quem já tem outro equipamento Totem instalado no carro (nosso caso), é que os conectores são todos os mesmos, tanto da energia quanto do sensor e botoeira.

Bom dia, bom feriado é bom treino! Testando os equipamentos novos por aqui! #tuliparally #totem #feriado

Equipamento ligados, antes de aferir e sincronizar

Nesse primeiro momento, nosso ideia era ver com o equipamento funcionava com relação ao hodômetro e também como era o App que roda no Android. Para isso utilizamos cabos em Y para ligar ao mesmo tempo o EVO e o Sensor Blue, um cabo para o sensor e outro para energia.

Assistindo os vídeos da Totem vimos que também era possível usar um Y para a botoeira,  e assim ao realizar qualquer comando ele seria feito ao mesmo tempo no EVO e no Sensor Blue. Como não tínhamos nenhum desses no momento utilizamos um Y de sensor, mas como ele só tem 3 pinos ao invés dos 4 da botoeira um dos botões não funcionou (no caso o botão de +), o que não foi um problema nesse teste, uma vez que só usei a função de LAP algumas vezes para poder conferir se os dois hodômetros estavam batendo, sem fazer ajustes. Quando voltamos para São Paulo, conversamos com o pessoal da Totem e nos esclareceram que por uma incompatibilidade de hardware o Y somente funcionará para botoeiras de 3 botões, na de 4 não funciona mesmo, mas funcionando na de 3 já dá para fazer vários testes.

Esse teste foi longo porém bem simples, saindo de SP aferimos o EVO e o Sensor Blue com o mesmo W e rodamos por 700 quilômetros para ver como eles se comportavam. De tempos em tempos eu apertava o lap e conferia o hodômetro e em todas as vezes os dois bateram, como já era esperado.

Em um determinado momento, o Tablet desligou o bluetooth e perdeu a conexão com o Sensor Blue (ainda não descobri porque), mas depois eu religuei o bluetooth, a conexão voltou, e o hodômetro estava lá certinho. Essa é a segunda vantagem, mesmo que aconteça alguma coisa desse tipo, o tablet perca a conexão, desligue, ou sei lá o quê, você não perde o hodômetro porque quem processa e controla essa informação é o Sensor Blue que só repassa para o App.

Estamos preparando um outro post com os pontos positivos e negativos que pudemos observar que logo vai pro ar, acompanhe o site e não perca!