Durante a etapa 05 do rally, como relatado aqui no Tulipa Rally, o ASX 309 de Carlos Sousa e Paulo Fiuza acabou sofrendo um pequeno acidente, o que os tirou da prova em definitivo. Relembre aqui o depoimento do piloto Carlos Sousa:

“Tínhamos ultrapassado vários carros e seguíamos em um bom ritmo na especial. Só que, de repente, começou a chover intensamente, depois veio o granizo e o vidro embaçou totalmente, deixando-nos quase sem visibilidade. Diminui o ritmo para o Paulo Fiuza poder limpá-lo, só que, em menos de dois segundos, estávamos com o carro fora de pista, junto a um precipício e pendurados em duas pedras. O Franciosi ainda tentou nos ajudar, só que na posição em que o carro ficou, não tinha como nos tirar de lá”, disse Carlos Sousa. “Com zero grau e a 4.000 metros de altitude, começamos a passar um pouco mal. Foi então que os médicos da prova chegaram e insistiram para abandonássemos o local, porque não nos deixariam passar a noite ali. Fomos de helicóptero até ao acampamento, tristes e desolados pelo desfecho. Mas realmente, este não era mesmo o nosso Dakar”, lamentou o piloto.

Fim de prova para eles mas começo de trabalho da equipe da Mitsubishi Petrobras, que tiveram que preparar uma estratégia enorme para resgatar o ASX. O chefe de equipe da Ralliart, Detlef Altwig, comanda a operação. Confira o vídeo do resgate do carro e os perrengues que passaram durante a operação: