Após quatro etapas de desafios, dupla da Território Motorsport (Tatuí/SP) tem como destino, nesta quinta-feira, Coxim, já em Mato Grosso do Sul

Os hexacampeões Edu Piano, 48, e Solon Mendes, 53, fecharam em 7º entre os UTVs (2h17m07) na etapa que os levou para Barra dos Graças, no Mato Grosso. Mais uma meta cumprida para a dupla da Território Motorspot (#235), que já tem na bagagem seis títulos no Rally dos Sertões e há dois anos compete a bordo dos UTVs, a categoria que mais cresce nos últimos anos no grid. Após quatro dias de prova, a dupla se mantém em 5º no acumulado (15h24m47s), à frente de muitos dos 32 UTVs que ainda estão na disputa.

Nesta temporada a dupla complete a bordo de um Can-Am Maverick X3 X RS, pela categoria UTV Pró Turbo. Sobre a 4ª etapa o piloto paulista comentou que foi a mais leve desta edição até o momento. “Teve muitas retas e poucos obstáculos, velocidade máxima o tempo todo e eu prefiro Especiais mais travadas, mais exigentes, mas foi importante concluirmos mais uma etapa”, diz o piloto e preparador de veículos de competição que tem sete títulos na prova (um na geral dos carros e mais seis nos caminhões).

Do alto de seu 32 anos de off-road, dos quais 19 no Rally dos Sertões, o cearense com mais títulos na competição concordo com Piano, mas acredita que estão no caminho certo, completando todos os dias sem vacilo. “Todos os dias largamos com a intenção de chegar, de completar, e dentro de nossa estratégia de prova até o momento tem dado certo. Esperamos que a 5º etapa, de Barra do Garças (MT) até Coxim (MS), tenha uma Especial com bastante dificuldade e bem travada. Afinal é pra isto que estamos aqui, quanto mais difícil melhor”, ressalta o navegador Mendes.

E a 5ª etapa, nesta quinta-feira, promete. Piloto e navegador largaram para a Especial mais longa da edição de 25 anos do Rally dos Sertões (438,86 km). A prova, toda é bem extensa (666,01 km) e já entra o Mato Grosso do Sul. Começa com estradas de piçarra sinuosas, passando por regiões de reflorestamento e serras. E, em seguida, tem a área agrícola com longas retas. Mas depois trava de novo. Trechos de trial com pedras. No final curvas e trechos de média e alta velocidade.

Agora, só faltam três etapas para terminar o Rally dos Sertões, que vai até 26 de agosto, em Bonito (MS). Mais uma vez a competição passa por cidades belíssimas, onde os participantes podem deixar a aventura correr solta. Estão inscritos 280 participantes, pilotos e navegadores de todas as regiões do país e também do exterior, em 161 veículos, nas categorias carros (cross country e regularidade), UTVs, quadriciclos e motos, que estão percorrendo 3.300,06 quilômetros no total, sendo 1.999,52 de trechos cronometrados.

Equipe campeã – Com sede em Tatuí, no interior paulista, a Território Motorsport é uma das equipes mais tradicionais no grid do Rally dos Sertões e é chefiada por Edu Piano, que além de piloto é preparador de carros de competição. Durante 12 temporadas (até 2014) a equipe representou o time oficial da Ford Caminhões (Ford Racing Trucks/ Território Motorsport) na competição. E também, entre 2011 e 2014, foi a equipe oficial da Troller (Troller Racing/Território Motorsport), que sagrou-se bicampeã da prova na Production T2. A partir de 2016, Piano passou a desenvolver e preparar UTVs.

Para acompanhar as notícias da dupla: site www.territoriomotorsport.com.br, facebook: Território Motorsport, twitter: @territorio4x4. A equipe Território Motorsport, com sede em Tatuí (SP) tem o patrocínio da Strufaldi Revestimentos Cerâmicos e apoio da Carueme e da Honeywell Garrett.

Resultado UTV acumulado –após 4 etapas

1º Lucas Barroso/Breno Rezende 14:58:50:95
2º Bruno Varela/João Arena 15:07:46:96
3º Henrique Gutierrez/André Lucas Munhoz 15:11:26:15
4º Marcelo Gastaldi/Claudio Silveira 15:24:11:57
5º Edu Piano/Solon Mendes 15:24:47:93

.

.

Informações divulgadas pela assessoria de imprensa.