Após três dias de prova, dupla dita ritmo a bordo do Can-Am Maverick X3; Veículos da família tetracampeã do Sertões dominam o Top 13 da categoria

Aruanã (GO) – O piloto Lucas Barroso e o navegador Breno Rezende conquistaram a liderança entre os UTVs do Rally dos Sertões nesta terça-feira (22), após três dias de desafios. A dupla dita ritmo a bordo do Can-Am Maverick X3, veículo que representa a escolha dos 13 primeiros colocados na briga pelo título da categoria, de acordo com os resultados extra-oficiais. Nesta quarta-feira (23), a caravana do maior rally do país parte de Aruanã (GO) para Barra do Garças (MT). A quarta etapa terá 471 quilômetros de percurso, sendo 273km de trechos cronometrados (especiais).

A Can-Am é a atual tetracampeã dos UTVs no Rally dos Sertões com os veículos da família Maverick. Nesta edição de 25 anos do evento, as máquinas voltaram a mostrar força e resistência na etapa Maratona, que não permitiu qualquer auxílio mecânico externo nos últimos dois dias de prova. A terceira etapa largou de Santa Terezinha de Goiás (GO) e incluiu 306 quilômetros de percurso – 297 deles de especiais.

“Se tivesse mais um dia de Maratona, o Maverick X3 aguentava”, garantiu o cearense Barroso. “Estou muito feliz por termos assumido a liderança dos UTVs. Espero que a gente continue com esse ritmo até o final, sempre acelerando com consciência para chegar da melhor forma, já que ainda tem muito rally pela frente”, continuou o piloto.

Ele destacou o trabalho do mineiro Rezende, que é o navegador atual campeão dos UTVs no Sertões. “A prova está ótima, com muitos saltos, pedras e exigência na navegação. Tenho bastante confiança no Breno e a nossa comunicação está muito boa”, finalizou Barroso. O Rally dos Sertões também inclui categorias para quadriciclos, motocicletas e carros. A chegada está marcada para o dia 26 de agosto em Bonito (MS).


Resultados (extra-oficiais) – 25º Rally dos Sertões
UTVs – 3ª Etapa

1° – Henrique Gutierrez/Andre Lucas Munhoz – 3:33:12.11
2° – Lucas Barroso/Breno Rezende – 3:34:27.99 – Can-Am Maverick X3
3° – Bruno Varela/João Arena – 3:35:36.96 – Can-Am Maverick X3
4° – Ismar Júnior/André Galvão de Sá – 3:36:44.84 – Can-Am Maverick X3
5° – Vinícius Rosa/Gustavo Rosa – 3:37:05.65 – Can-Am Maverick X3
6° – Deninho Casarini/Luis Felipe Eckel – 3:37:11.96 – Can-Am Maverick X3
7° – Marcelo Gastaldi/Claudio Silveira – 3:39:40.80 – Can-Am Maverick X3
8° – Euclides Júnior/Marcos Panstein – 3:41:08.66 – Can-Am Maverick X3
9° – Edu Piano/Solon Mendes – 3:44:49.16 – Can-Am Maverick X3
10° – Zeca Sawaya/Marcelo Haseyama – 3:45:55.93 – Can-Am Maverick X3

UTVs – Acumulado após três etapas
1° – Lucas Barroso/Breno Rezende – 12:49:03.55 – Can-Am Maverick X3
2° – Bruno Varela/João Arena – 12:55:17.57 – Can-Am Maverick X3
3° – Marcelo Gastaldi/Claudio Silveira – 13:10:01.34 – Can-Am Maverick X3
4° – Edu Piano/Solon Mendes – 13:10:47.68 – Can-Am Maverick X3
5° – Zeca Sawaya/Marcelo Haseyama – 13:19:49.92 – Can-Am Maverick X3
6° – Ismar Júnior/André Galvão de Sá – 13:24:05.64 – Can-Am Maverick X3
7° – Enrico Almeida/Fábio Pedroso – 13:32:24.43 – Can-Am Maverick X3
8° – Euclides Junior/Marcos Panstein – 13:39:10.29 – Can-Am Maverick X3
9° – Gabriel Cestari/Edgar Fabre – 13:43:35.95 – Can-Am Maverick X3
10° – Daniel Mahseredjian/Sano Chermont – 14:09:53.17 – Can-Am Maverick X3
11° – Rodrigo Betti/Daniel Crema – 14:13:59.79 – Can-Am Maverick X3
12° – Luiz Rodrigues/Fernando Filho – 14:19:46.38 – Can-Am Maverick X3
13° – Cristiano Batista/Robledo Nicoletti – 14:33:23.56 – Can-Am Maverick X3

.

.

Informações divulgadas pela assessoria de imprensa.