Equipe Acelera Siriema vai encarar mais de 3.300 km de percurso a bordo de uma Mitsubishi Triton Sport SR. Roteiro será entre Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, de 19 a 26/8

Tudo pronto para Luiz Facco e Humberto Ribeiro (#310), da equipe Acelera Siriema, disputarem o Rally dos Sertões, que terá início neste fim de semana, em Goiânia. Nesta edição de 25 anos, a dupla disputará na categoria Protótipos T1, com uma Mitsubishi Triton Sport SR. A prova será de 19 a 26 de agosto, e pela primeira vez, apenas no Centro-Oeste (GO, MT e MS), com chegada em Bonito.

De um lado está o piloto paulista Luiz Facco que segue para a 14ª participação, de outro, o navegador Humberto Ribeiro, de Teresina (PI) que completará 12 provas. A dupla é a atual vice-líder do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, após vencer de ponta a ponta a última prova, em Lages (SC), em julho. Das sete etapas do Rally dos Sertões, os dois primeiros dias somarão pontos para a 9ª e 10ª etapas do ranking nacional.

Piloto Luiz Facco (SP) mais de 20 anos de off-road, pentacampeão brasileiro de Rally Cross Country, hexacampeão paulista de Rally de Velocidade e tricampeão do Rally dos Sertões: “Será uma prova bastante concorrida e um pouco diferente das demais que disputei. Estamos na categoria dos carros nacionais mais competitivos, com muito potencial, portanto iremos trabalhar para conquistar uma boa performance a cada dia até chegar a Bonito e teremos mais de 3.300 quilômetros para isso.”

Facco já conquistou três títulos na competição (2009 e 2010 na Super Production e, em 2015, na Pró Brasil) e, agora, terá mais esse desafio em nova categoria e com novo carro. Essa será a quarta participação com equipe própria, que trabalhou duro desde o início da temporada para desenvolver a Mitsubishi Triton Sport SR.

Navegador Humberto Ribeiro (Teresina/PI), 18 anos de off-road,  há cinco anos na equipe, bicampeão brasileiro de Rally Cross Country e último título do Sertões na Pró Brasil em 2015: “A competitividade nessa prova é sempre alta, mas o Sertões é muito mais que uma corrida em si. Tudo está ligado a possibilidade de nos superarmos a cada dia, onde nossos limites são testados a todo o momento. O inesperado pode acontecer,  mas temos um bom planejamento, uma equipe bem estruturada e um carro potente para competir.”

Aproximadamente 60 veículos compõem o grid dos Carros, subdividido nas categorias Protótipos T1-FIA (homologados pela Federação Internacional de Automobilismo), Protótipos T1, Pró Brasil, Super Production e Production T2. Paralelamente há os carros originais de fábrica que disputarão no Rally de Regularidade (Master, Graduados, Turismo). Além disso, competem na prova as categorias Motos, Quadriciclos e UTVs.

Nesta edição serão mais de 3.300 quilômetros dos quais 1.999 de trechos cronometrados (Especiais). A largada será no Autódromo Internacional de Goiânia, local do Parque de Apoio, na cidade. O Prólogo (tomada de tempo que define o grid de largada), pelo segundo ano consecutivo, acontecerá na Cidade Alpha Goiás e terá 7 quilômetros de circuito. Já no segundo dia (segunda, 21/8) os competidores encaram a temida Etapa Maratona, na qual os veículos não podem receber apoio mecânico.

Notícias e informações sobre a dupla no site www.acelerasiriema.com.br e no Facebook: @acelerasiriemarally.

A equipe conta com o patrocínio da Gonçalves S/A Indústria Gráfica, Yokohama e Acelera Siriema Rally e apoio da Mitsubishi, Spinelli Racing, Pró Tune e FD Stands e Displays.

.

.

Informações divulgadas pela assessoria de imprensa.